quinta-feira, 2 de julho de 2009

Diploma de Direito: A Missão!

Depois de dizer aqui que o direito não é ciência... Sofri com a contra-artilharia dos advogados da família... Vassoura e Julão discordaram e discordaram novamente e repudiaram e se indignaram. Olha que eu não ousei argumentar com Sr. Dr. Juiz... Deus me livre e ilumine com a bênção de nenhum deles ler o blog... é por isso que não divulgo... kkkk me traz paz em vez de tormenta rsrsrs.

Bem mas Julão argumentou uma coisa importante que merece reflexão. Ele afirma que a advocacia faz uma abordagem científica das leis, as tendo como objeto de estudo e imprimem a isso metodologia científica.

Continuo em dúvida. Afinal o estudo científico da lei é base para a atuação profissional do Direito? As peças de estudo são utilizadas como mera masturbação intelectiva ou possuem um uso? Ou melhor, há ciência aplicada no Direito ou apenas pesquisa básica? As leis são criadas a partir de uma reflexão científica? Os procedimentos do judiciário, nos rudimentos da lei, são fruto de estudos técnicos ou representam apenas costumes? Que autonomia de análise tem o Direito?

Tem muitos outros questionamentos mas eu vou tomar duas cervejas perguntando essas coisas todas a eles rsrsrs.

Mas uma coisa eu já entendi... vão livrar a cara do Direito rsrsrs.

5 comentários:

Borboletas nos Olhos disse...

Quero só a cerveja...Não sei porque o povo quer todo tipo de conhecimento seja ciência. Ciência é só um tipo possível de conhecimento e eu nem acho ciência essa coisa toda. Mas o povo ainda tá na ilusão que ciência é verdade...

Daíza disse...

OI! Vou só dizer boa noite... fiquei igualzinha ao macaco da foto ao pensar nas respostas para as questões.

Liana disse...

Tô como a Daíza e o macaco, coçando o queixo. Mas se me perguntassem, na bucha: não é ciência!

Dani disse...

Mais uma pro time do macaco! Macaco 3 X 0 Direito

Contra a Maré disse...

O placar do macaco é 4x0 porque eu puxei a fila kkkkkk mas tudo bem, reconheço que o macaco mais feio sou eu rsrsrs. LU, o debate sobre ser ciência ou não, é fruto de uma "factualidade"... se for, apra exercer tem de ter diploma universitário válido pelo MEC... se não for... qualquer um pode exercer... sacou aí a reserva de mercado? rsrsr