domingo, 7 de junho de 2009

Brasil 4x0 Uruguai...

Meu amor sempre diz que eu torço mais Flamengo que a Seleção... ela pode estar certa, porém... torcer para a seleção do Dunga é um ato heróico, feitos pelos incautos e ingênuos, com tal desprendimento e abnegação que beiram o entusiasmo maníaco...

Quebramos um tabu de décadas no estádio centenário ontem. Vitória maiúscula diriam alguns... será? Foi uma partida com direito a penalti, a expulsão duvidosa, a pontapé e bate boca, a bola na trave, a muitos gols e a muitas, mas muitas defesas.

Ás vezes acho que não entendo nada de futebol porque acho rotineiramente as avaliações abstratas, comprometidas e tolas... prepotência minha. Admito!

Prestei-me ao papel, mais uma vez de assistir ao meu ídolo(jogando, não como técnico) Dunga em sua entrevista pós-jogo. Ele, com uma cara de paspalho feliz, viu um bom jogo, seguro e que o Uruguai deu mais trabalho no jogo do Brasil.

Eu vi um time que atacou de forma regular, mas organizada, e uma defesa frágil, que deu muita sorte de ter o Júlio César no gol. E sua titularidade é quase uma obra divina. Digo divina porque o Doni, é goleiro de menor estirpe, do mesmo nível que o Fábio, do Gomes, do Felipe e inferior ao BRUNO(A MURALHA) e mesmo assim, o Dunga insistia com jogadores como ele(Doni).

O Júlio César, em resumo, garantiu o placar... sem ele, seria uns 4x4... olha os melhores momentos e vejam se eu estou mesmo absurdamente errado.

5 comentários:

Liana disse...

Nem um pingo.. aliás, aquele placar foi um golpe de sorte. Um chute despretensioso somado a um frango fenomenal, uma cabeçada certeira do nosso zagueiro quase aposentado que vai fazer falta, um único gol de uma jogada bem construída, e um gol de pênalti, cuja jogada não ia dar em nada... O que me dá raiva é saber que esse dia vai ficar lembrado na história, e o nome do Dunga vai ser associado a um placar de goleada...

Fábio Ortolano disse...

Sim, os textos do meu blog (exceto os citados)são de minha autoria, hehe.

Abraços ;)

Borboletas nos Olhos disse...

Évio, amizade é superar limitações. Por exemplo sou magnânima e perdôo você ter o Dunga como ídolo...

Contra a Maré disse...

Luciana, tu é boa demais... eu não sei se conseguiria me perdoar rsrsrs

Contra a Maré disse...
Este comentário foi removido pelo autor.